Francisco Assis visitou o IPCA e o Centro Europe Direct para debater o Modelo Social Europeu

    23 Junho, 2021 José Ricardo Sousa 131 Sem comentários

    O presidente do Conselho Económico e Social, Francisco Assis, visitou o Campus do IPCA, em Barcelos, no âmbito da inauguração do Europe Direct Minho e da sua participação numa conferência sobre o Modelo Social Europeu.

    O momento assinalou a inauguração do espaço Europe Direct Minho – instalado no Campus do IPCA, na sequência de uma candidatura apresentada para o efeito junto da Comissão Europeia.

    A conferência incluiu também no painel de oradores o Deputado ao Parlamento Europeu, José Manuel Fernandes, e o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha.

    Na sessão de abertura da conferência, a presidente do IPCA, Maria José Fernandes, realçou o papel que as instituições de ensino superior desempenham no “trabalho em rede que é necessário para nos aproximarmos do desenvolvimento da média da União Europeia”.

    Maria José Fernandes lembrou, a propósito, o arranque do Plano de Recuperação e Resiliência, sublinhando que o mesmo integra “investimento financiado para a atualização e reconversão das competências da população ativa, concretizando, desta forma, a promoção da aprendizagem ao longo da vida”.

    “Sabemos todos que mais educação, mais formação e mais competências são essenciais para melhorar a qualidade de vidas das pessoas, bem como para nos tornarmos um país mais coeso e mais próspero”, disse.

    Nesse sentido, acrescentou, “o IPCA, tal como todas as instituições de ensino superior, enquanto entidades do sistema de desenvolvimento e de inovação tecnológica, as escolas como potenciadoras do conhecimento, os municípios enquanto entidades territoriais, as empresas como aceleradoras e alavancas de desenvolvimento, e as pessoas, como principais destinatários destes investimentos, são todos convocadas para fazerem parte desta rede que, com muito trabalho, mas também com ambição, terá de vencer o grande desafio de recuperar a economia, diminuir as desigualdades sociais, potenciar o desenvolvimento sustentável e melhorar  a vida das pessoas”.

    Por seu turno, à parte do tema da conferência, Francisco Assis enalteceu a instalação do Europe Direct Minho no IPCA e destacou que “as instituições europeias precisam, de facto, de se aproximar dos cidadãos, no sentido de uma discussão permanente que temos que fazer”.

    “Os Europe Direct são uma das facetas de espaço público de discussão, onde podemos aceder a uma discussão sobre as políticas europeias nas suas várias dimensões”, sublinhou.

    A instalação do Europe Direct Minho num edifício do Campus do IPCA acontece depois de, recentemente, ter sido aprovada uma candidatura apresentada pelo Instituto Politécnico para acolher este serviço no período 2021-2025.

    Os Europe Direct correspondem a uma nova geração dos Centros de Informação Europe Direct (CIED), que passam a ter uma nova designação. O principal objetivo destes espaços é a promoção da aproximação da União Europeia (UE) dos cidadãos, designadamente através da organização de atividades informativas e participativas.

    A conferência que assinalou a inauguração do Europe Direct Minho foi moderada pelo diretor do jornal Correio do Minho, Paulo Monteiro.

    Álbum de fotografias do evento

    Related Projects It`s Can Be Useful
    SOPRO e Europe Direct promovem evento
    21 Outubro, 2021 José Ricardo Sousa 23
    Reunião plenária para debater os contributos dos cidadãos
    21 Outubro, 2021 José Ricardo Sousa 17